Taj Mahal, uma história de amor

IMG_6299

Conhecido como a maior prova de amor do mundo, foi construído entre 1632 e 1653, pelo imperador Shah Jahan em memória da sua esposa favorita Mumtaz Mahal (“A eleita do palácio”) que faleceu no último parto. A construção em mármore banco, incrustado com pedras semipreciosas (como Lapis Lazulis do Afeganistão, Ágatas do Yemen, Safiras do Ceilão, Ametistas da Pérsia, Corais da Arábia Saudita, Quartzo dos Himalaias, Ambar do Oceano Índico) e a cúpula costurada com fios de ouro, dá-lhe uma leveza tal que parece flutuar. Os jardins estão divididos em quadrados e a superfície da água, que devolve a imagem refletida do Taj, produz um efeito adicional de simetria… absolutamente maravilhosa. Diz-se que o imperador Shah Jahan queria construir um outro mausoléu, todo em mármore preto, do outro lado do rio, que seria unido com o Taj Mahal através de uma ponte de ouro. Nunca foi construídos e, após perder o poder, Shah Jahan foi encarcerado no seu palácio e, a partir dos seus aposentos, contemplou a sua grande obra até à morte.

IMG_6305IMG_6283

IMG_6301

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s