Os “algarves” da minha vida

Desde pequena, o Algarve sempre foi o destino de férias da família. Lembro-me com saudades das viagens… viagens longas, como era a distância! Primeiro de comboio, depois de carro. Viagens inesquecíveis, onde só a criatividade de se ser criança conseguia sobrepor-se a viagens de carro sem ar condicionado pelas nacionais povoadas de um qualquer Agosto,…

The World of Steve McCurry: como se fotografa a vida?

 Será possível viajar através da fotografia? Não tenho dúvidas que sim e, por isso, os trabalhos de Steve McCurry sempre me fascinaram. Se o retrato de Sharbat Gula, a rapariga afegã de olhos verdes que foi capa da National Geographic em 1984, foi o início desse deslumbre, hoje é apenas uma das fotografias icónicas de McCurry. Impactante,…

Uma varanda para a Pedra da Gávea, Rio de Janeiro

Era Agosto de 2017. O trabalho tinha-me levado, mais uma vez, ao Brasil. De passagem, aquela paragem retemperadora no Rio de Janeiro. Três dias fantásticos feitos de visitas, passeios e samba, mas é sobre a Pedra da Gávea e a varanda de onde a vi, que esta foto nos conta. Devem estar a pensar, mas não…

Lá vêm eles, imponentes! Assim é o exército de soldados de terracota

♣ by Vera Duarte O mistério em torno do exército de soldados de terracota sempre me fascinou. Aliás, um mistério que se estende a todo o Oriente, e que nós, ocidentais, tanto subestimamos desde tempos idos. Mas isso é outra história! Os guerreiros de terracota de Xian são quase tão visitados como a muralha da…

Viajando pelo passado através da leitura

♣ by Vera Duarte Recentemente comecei a ler o livro “Viagem por África, do Cairo à Cidade do Cabo”, de Paul Theroux. Ao entusiasmo da leitura, juntaram-se as recordações das minhas passagens por África, diria, pelas Áfricas que o continente africano encerra. Fecho o livro por uns instantes, encosto a cabeça e atrevo-me a fazer…

Ser menina e mulher na Índia

♣ by Vera Duarte A Índia é um país cujas desigualdades de género são gritantes e a condição da mulher e da menina é de uma fragilidade abissal. Cerca de duas mil raparigas são mortas por dia, devido a uma política inqualificável de controlo da natalidade com base no género do feto (fetocídio e infanticídio)….

Uma ‘rebeldia’ chamada viajar sozinha

♣ by Vera Duarte Há cerca de um ano li a notícia sobre Marina Menegazzo e Maria José Coni, duas jovens argentinas que viajaram de férias para o Equador. Iam cheias de vontade de conhecer novas culturas e suas gentes. Foram mortas. Senti-me revoltada com a tragédia, e senti-me indignada com as perguntas e comentários: ‘Que…